Polícia Política Últimas Notícias

Socorro Pimentel pede mais delegacias da mulher para o Interior

violenciaa

A deputada Socorro Pimentel (PSL) usou a Tribuna da Assembleia para pedir a instalação de novas delegacias especializadas no atendimento à mulher no Interior. A deputada alertou que os sertões Central e do Araripe ainda não contam com unidades da Polícia Civil dedicadas à prevenção e à repressão da violência doméstica e sexual, e pediu a ampliação da Patrulha Maria da Penha – ação da Polícia Militar que acompanha vítimas e fiscaliza o cumprimento de medidas protetivas.

Socorro PimentelSegundo a parlamentar, Pernambuco registrou, apenas no primeiro semestre deste ano, aproximadamente 16 mil casos de violência contra a mulher e quase mil estupros. De acordo com a deputada, o quadro pode ser ainda pior porque, em mais da metade dos casos, estima-se que a vítima não procura a rede de proteção por não se sentir segura em denunciar o agressor.

Socorro registrou que, na última terça (5), reuniu-se com a secretária estadual da Mulher, Sílvia Cordeiro, e com a coordenadora da Patrulha Maria da Penha, Lúcia Helena. A deputada elogiou a inclusão do registro “feminicídio” nos boletins de ocorrência em Pernambuco, e o trabalho realizado pela Patrulha – que, lamentou, está limitado a oito cidades.

A parlamentar apontou que há “negligência política” do Governo do Estado por não implantar mecanismos de proteção à mulher no Interior, lembrando que, segundo a legislação estadual, desde 2008 está prevista a criação de uma delegacia da mulher em Ouricuri, no Araripe, que não foi implantada. “É imperioso transmitir sentimento de segurança às sertanejas, para proteger suas vidas e as de seus filhos”, concluiu.

Deixe um comentário